https://www.facebook.com/soribeiro14

https://www.facebook.com/soribeiro14
"As vezes falta rumo e sobra perna, o jeito é andar".

terça-feira, 9 de agosto de 2011

O que realmente permanece...







Eu gosto de quem facilita as coisas. De quem aponta caminhos ao invés de propor emboscadas. Eu sou feliz ao lado depessoas que vivem sem códigos, que estão disponíveis sem exigir que você decifre nada. O que me faz feliz é leve e, mesmo que o tempo leve, continua dentro de mim.
Eu quero andar de mãos dadas com quem sabe que entrelaçar os dedos é mais do que um simples ato que mantém mãos unidas. É uma forma de trocar energia, de dizer: você não se enganou, eu estou aqui. Porque por mais que os obstáculos nos desafiem o que realmente permanece, costuma vir de quem não tem medo de ficar.
(Fernanda Gaona)


5 comentários:

TELMA GUEDES disse...

há pouco tempo tivemos um tombinho com quem pensavamos q eram amigos So...infelizmente só resta o aprendizado...procuro essas pessoas maravilhosas tbem, bjossssssssssss

*Sô* disse...

Há pessoas que preferem passar por cima de uma amizade duradoura,para te usar.Parece q hj é mto comum isso Telma.Desconsideração.Mas somos superiores a isso,e ficamos com o que e quem realmente vale a pena,correto?Bjs

Um blog como Aquele disse...

Dá vontade de guardar todos estes poemas que vc posta pra sempre na memória !!! Beijos, Andréa.

*Sô* disse...

Vc émuito gentil Andrea, adoro receber sua carinhosa visita.Obgda.;Bj

Lêila Barreto Fernandes disse...

Querida Sô, só o inicio desse poema fala tudo! Minha filosofia de vida, gosto de quem descomplica, facilita, é fiel e confiavel, acho essencial para uma boa convivência!

bjux